terça-feira, 30 de junho de 2015

Concurso para professor para o DAU/UFV



Concurso Docente/DAU:

Classe: Professor Classe A – com denominação Adjunto A – I DE
(Edital de Concurso Público nº 62/2015) – DOU nº 118, de 24.06.2015.
Área/Subárea: Arquitetura e Urbanismo/Projeto Arquitetônico e Acústico.
Nº vagas: 01
Titulação exigida: Graduação em Arquitetura e Urbanismo/Doutorado em
Arquitetura e Urbanismo ou áreas afins.
Inscrição: até 24 de julho de 2015.

http://www.soc.ufv.br/?campusvicosa=departamento-de-arquitetura-e-urbanismo-2

segunda-feira, 29 de junho de 2015

Viçosa do alto

Foto a partir do Morro do Pintinho. Ítalo Stephan, 2015

Foto a partir do bairro Santo Antônio. Ítalo Stephan, 2015


Foto a partir do Belvedere. Ítalo Stephan, 2015

Nova Viçosa. Foto Ítalo Stephan, 2015.

Para uma cidade com 90.000 moradores é uma imagem impressionante. Adensada, espremida entre os vales. Convive com a autoconstrução, prédios para atender a demanda de estudantes e poucos exemplares de boa arquitetura.

domingo, 28 de junho de 2015

Patrimônio histórico de Santa Cruz do Escalvado-MG

Capela de Santo Antônio. Foto Ítalo Stephan, junho de 2015.

Santa Cruz do Escalvado fica localizado na Zona da Mata Mineira.
Ocupa uma área de 258,34 Km² . A sede municipal, situada a 351 metros de altitude.
O topônimo Santa Cruz do Escalvado, segundo se supõe, deve sua origem ao acidente geográfico denominado "Pedra do Escalvado", situado a quatro quilômetros da sede municipal.
A capela primitiva foi erigida pelo Padre Bernardino José da Silva, conforme provisão de 1823. Passou a ser capela curada em 1833. Chamava-se a principio , Santa Cruz do Charnecão, adquirindo, depois, a denominação atual.
A capela foi modificada, não é tombada. Não há documentos sobre sua construção, só há registros de existir da década de 1930.

Fontes: IBGE e informações do pároco de Santa Cruz do Escalvado.

sábado, 27 de junho de 2015

Plano Diretor de Santa Cruz do Escalvado - trabalhos iniciados

Em 25 de junho de 2015, foram  iniciados  os trabalhos de elaboração do Plano Diretor Participativo de Santa Cruz do Escalvado-MG, UM município com população aproximada de 5.000 habitantes (IBGE, 2010), com 365 da população vivendo em área urbana.

Foram realizados:

Curso de Capacitação com vereadores, secretários municipais, técnicos da prefeitura e munícipes.

Foto Ana Cristina Maria, 25 de junho 2015.

Reunião temática sobre meio ambiente, desenvolvimento rural e segurança pública.

Foto Ítalo Stephan, 25 de junho 2015.

Consulta pública, no clube Santacruzense, na sede do município.

Foto Ítalo Stephan, 25 de junho 2015.

Reunião temática sobre infraestrutura, mobilidade, patrimôno cultural, legislação urbanística.

Foto Ana Cristina Maria, 26 de junho 2015.

Plano Diretor de Santa Cruz do Escalvado-MG

Vista panorâmica de Santa Cruz do Escalvado. Foto Ítalo Stephan, junho de 2015.

Prefeitura de Santa Cruz do Escalvado, com faixa de divulgação do plano diretor, na entrada. Foto Ítalo Stephan, junho de 2015.

 Praça de Santa Cruz do Escalvado, com faixa de divulgação do plano diretor. Foto Ítalo Stephan, junho de 2015.

quarta-feira, 24 de junho de 2015

Associação Comunitária do Paraíso


 Horta comunitária no Paraíso.

A Associação Comunitária do Paraíso, criada em 2012 para melhorar a comunidade rural, localizada na bacia do Ribeirão São Bartolomeu, em Viçosa-MG.
A Associação tem feito belos trabalhos comunitários, mostrando a importância e força de uma comunidade unida.
Que alcancem cada vez mais  sucessos numa difícil luta na qual o dinheiro tenta falar mais alto, a pressão pela urbanização sem critérios é forte e em que há um longo caminho em direção à conscientização e preservação ambiental.

A Associação criou um informativo em junho de 2015.

Conheçam o grupo no Facebook:
https://www.facebook.com/groups/1488432181441913/?fref=ts

terça-feira, 23 de junho de 2015

Aumento do preço de passagem !

Transporte coletivo de Viçosa-MG sobe para R$2,25 a partir de 24/06/2015

Confira em:
http://vicosanews.com/2015/06/23/transporte-coletivo-de-vicosa-sobe-para-r225-a-partir-desta-quarta-24/
Fotos do site.

Aquarelas



Aquarelas de Marcela Santana, Lisboa, 2015

domingo, 21 de junho de 2015

UM BAIRRO SE (DE)FORMA

Texto publicado no jornal Tribuna Livre, Viçosa-MG,de 17/06/2015


As cidades crescem como um fenômeno normal. Surgem novas ruas, novos bairros. O problema é que, se esse crescimento não for monitorado, não planejado com o aval técnico da prefeitura, surgem novos problemas. Como essas crescem à base de um urbanismo sorrateiro, politiqueiro, desconexo, desinteressado com o resto da cidade, faz-se um péssimo urbanismo.

Em Viçosa, a Avenida Antônio Lopes Lelis, no bairro Santo Antônio, é uma via de grande potencial, no entanto, está ameaçada de se tornar uma via igual a qualquer outra, com péssima qualidade. A falta de visão, os erros e ilegalidades urbanísticas e ambientais permitidos, acumulados das administrações anteriores estão formando um bairro problemático, jogando fora a oportunidade de termos um dos melhores bairros da cidade. O que era uma via secundária, que começou com clube, salão de festas e escola, ganha interesse dos empreendedores e consistência de uma via arterial, embora sem que nenhum cuidado seja tomado. Foi permitido um uso do solo com edificações multifamiliares de até sete pavimentos em vias que só deveriam ter quatro.

 A avenida é uma via importante de parte de um bairro – o mais populoso de Viçosa -  que está surgindo com muitos problemas, com vias que nela desembocam mais longas que a legislação de parcelamento do solo permitem.  São vias sem saída, isso as tornam perigosas e acarretarão dificuldades  para a passagem de transporte coletivo, de viaturas policiais e prolongarão o trajeto dos caminhões coletores de lixo. Essas ruas receberão centenas de apartamentos que significam centenas de automóveis para saturar uma via que tem difíceis conexões com o resto da cidade. As ligações com as outras vias são estreitas e insuficientes e carecem urgentemente de soluções muito melhores que as de hoje. Inúmeros lotes foram criados; as áreas verdes e institucionais deixadas para a cidade são imprestáveis para servirem como praças e para receberem prédios públicos. As novas construções ignoram o alinhamento com a avenida. Proprietários de terrenos valiosíssimos ainda não construíram as calçadas.

Ainda é possível estudar outras vias de ligação. Ainda é possível exigir dos loteadores as áreas institucionais obrigatórias por lei, em terrenos que possam ser construídos, não em barrancos como os loteadores deixam. O IPLAM deve garantir que as soluções de acessos e de estacionamentos sejam adequadas, para evitar mais uma via caótica, pois como o bairro se valoriza, novos empreendimentos de porte tenderão a se instalar no local.

Perde-se a oportunidade de ter um bom bairro. É uma chance escapando pelas mãos, sucumbindo à especulação imobiliária e à falta de ação. Rogo ao prefeito e ao IPLAM que avaliem, enquanto é tempo, as possibilidades de manter uma avenida larga; de resolver as ligações viárias com a cidade de uma maneira decente; de  exigir dos proprietários desde já a construção de calçadas - e que elas sejam largas e acessíveis - e construções que sigam o alinhamento das ruas. É importante que haja uma praça pública, a única de um bairro maior que muitas cidades. Caso a administração se omita desta oportunidade, teremos mais um futuro bairro tão ruim em qualidade de vida como a esmagadora maioria dos bairros de Viçosa. Uma pena!

sábado, 20 de junho de 2015

Falta de educação

Restos de placas de gesso jogadas na beira de estrada. Falta de educação e perigo de poluição ambiental.
Descartado dessa forma o gesso pode sofrer reações químicas com resultados perigosos à saúde humana.
Um problema a ser tratado pela administração municipal, mas antes de tudo um sinal evidente da falta de educação ambiental.

sexta-feira, 19 de junho de 2015

Plano Diretor Participativo de Santa Cruz do Escalvado -MG

Criado o grupo de discussão sobre o Plano Diretor de Santa Cruz do Escalvado - MG


Participe! Reflita!
Que município temos?
Que município desejamos?
Que acordos podemos firmar para alcançar essas situações desejadas?

Participe das reuniões públicas!
Se não estiver morando em Santa Cruz, deixe sua opinião no Grupo no Facebook:
https://www.facebook.com/groups/1635968346618408/

quarta-feira, 17 de junho de 2015

Aquarelas


Aquarelas de Marcela Maciel Santana - Arquiteta e Urbanista, doutoranda em Coimbra, Portugal, 2015

terça-feira, 16 de junho de 2015

Gesto singelo

 
Parabéns aos moradores do Córrego do Engenho, Viçosa-MG, pelo zelo na pintura e limpeza do seu ponto de ônibus construído pela turma da ACP.

Nele podem notar as revistas disponíveis para incentivo à leitura.

Contribuição do grupo Associação Comunitária do Paraíso.

segunda-feira, 15 de junho de 2015

sexta-feira, 12 de junho de 2015

Um bairro se (de)forma III

Bairro Santo Antônio, Viçosa, MG.  Foto Geraldo Browne Ribeiro Filho, junho 2015

Bairro Santo Antônio, Viçosa, MG.  Foto Ítalo Stephan, junho 2015

Vejam o início do fim do que poderia ser um bom bairro em Viçosa. Devastação ambiental, vias longas sem saída, alta densidade, falta de áreas públicas. Uma "morte" anunciada. Senhor prefeito, ainda há tempo de mudar o destino de uma área enorme de Viçosa!